Quem é você mesmo?

Mafalda-e-Sartre1“Não importa o que fizeram com você. O que importa é o que você faz com aquilo que fizeram com você.” Jean Paul Sartre.

E assim inicia a busca por si mesmo: Sem autopiedade, sem coitadismos.

Analise com cautela e razão as situações da sua vida que forjaram você. Encontrará problemas, traumas, pessoas ruins e pessoas boas, encontrará momentos que quer esquecer, mas não te esquecem, encontrará mais do que procura numa única reflexão.

Contudo, ao pensar no ambiente profissional, a frase de Sartre tem total nexo causal.

Você pode ter tido chefe ruim, colegas do lado negro da força, situações desagradáveis, contudo, se elas não serviram de lição para que hoje você não faça o que aconteceu no passado, nada adiantaram os fatos.

Sempre numa situação aprendemos. Ou a nos portar da mesma forma porque foi bom; Ou a pensar em como agir para que não aconteça novamente.

Somos muito mais do que o meio que vivemos. Obviamente, não todos, já que grande parte das pessoas que vivem no mundo vivem sem pensar, vivem apenas nas modas da TV, internet, e pensamentos de outras pessoas.

Entretanto, se ao pensar – que já é um baita diferencial – você não concluir de forma a ser um produto de um meio ao qual está inserido, você é livre para chegar aonde quiser.

É justamente assim que pessoas que a princípio não poderiam chegar a lugares de pódio chegam. Não poderiam porque o meio que vivem era sem condições. Todavia, mesmo com tudo contra e contra todos, pensaram, criaram, trabalharam e principalmente não desistiram.

O emprego está ruim? Procure outro! Mesmo demorando ou não sendo fácil, não será se acomodando que irá resolver o que lhe incomoda.

Você não é valorizado? Pense se você demonstra mais do que lhe é pedido, se você trabalha além dos demais, e principalmente se você dá resultado mais do que os outros no mesmo patamar seu. Ninguém será reconhecido senão pelo resultado no universo corporativo. E o resultado é o que você produz além do que faz no dia a dia, afinal, no dia a dia você já é pago para fazer.

Quem você é mesmo?

Um resultado do meio que está inserido ou uma estrela do meio ao qual está vivendo?

______________________________________________________________________________________
Pensamentos escritos por Gustavo Rocha
Consultoria Gustavo Rocha.com – Gestão, Tecnologia e Marketing Estratégicos
(51) 8163.3333  |  gustavo@gustavorocha.com  | http://www.gustavorocha.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s