Faça a sua parte: uma atitude vale mais do que mil palavras.

Esses dias, eu estava repensando alguns posicionamentos que adotamos, em prol de ajudar ao próximo. Nisso, lembrei-me de uma famosa fábula, que colaciono abaixo:

A fábula do incêndio e do passarinho
Certa vez, houve um incêndio na floresta.
Enquanto todos os animais fugiam em debandada, cada um procurando salvar a própria pele, um passarinho apanhou um dedal, e repetidas vezes após enchê-lo de água voava alto, despejando a água sobre o fogo.
Um macaco que também fugia apavorado, presenciando aquela cena gritou para o passarinho:
– Ei, seu bobo, você acha que vai conseguir apagar o incêndio sozinho?
Ao que o passarinho lhe respondeu:
– Eu não sei se conseguirei apagar o incêndio, mas estou certo de estar fazendo a minha parte.

Pensando nisso, vi como é simples “fazer a minha parte”. Posso até não mudar o mundo inteiro, mas me mudando, estou transformando o meu mundo e, quem sabe assim, um dia consigo mudar o mundo inteiro?
Nos dias que vivemos, sabemos apenas criticar o mundo, os políticos, as pessoas que jogam papel no chão, mas por que não se e analisa o próprio posicionamento?
Na empresa onde trabalho, há vários projetos nesse sentido, super viáveis de serem implementados em qualquer empresa. Vai de alguém “se puxar” e ser dono do pontapé inicial e aos demais se conscientizarem e aderirem a práticas que beneficiarão o meio ambiente e a sociedade como um todo.
Aqui separamos o lixo, e com os papéis, auxiliamos uma cooperativa de reciclagem, separamos os grampos dos papéis (isso auxilia a cooperativa de reciclagem, que além de poder vender o papel, comercializa o metal dos grampos também), juntamos notas fiscais para entidades assistenciais (notas que provavelmente iriam para o lixo, ou para o chão das ruas), periodicamente é realizada a “feira do desapego” onde as pessoas trocam coisas que gostariam de ter por outras que provavelmente seriam descartadas (como dizem, o lixo de uns é o luxo de outros), dentre outras atividades realizadas.
É fácil perceber que atitudes simples ajudam a fazer a diferença. Seja você também agente de transformação: “Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só. Sonho que se sonha junto é realidade” (John Lennon).

Polliana Giraldello

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s