Quem sois?

euPoderia dizer que sou o Gustavo, não apenas o Gustavo, mas o Gustavo Rocha.

Poderia dizer que já fui advogado, gerente de escritório de advocacia, analista de qualidade, auditor de processos internos e escritórios, professor, palestrante,  e sou tudo isto, somado a consultor para escritórios de advocacia e departamentos jurídicos de empresas.

Poderia dizer que sou pai, filho e parafraseando Drummond, tenho em mim todos os sentimentos do mundo.

Contudo, nada disto diria quem sou.

Somos – e não apenas eu – seres em transformação.

E talvez isto seja um dos grandes desafios atuais: Lidar com pessoas que vem de gerações onde a mudança não leva 10 ou 20 anos, mas 6 ou 9 meses.

Transformar hoje é diferente do transformar ontem.

E pensar nisto parece óbvio e simples, mas não é. Aprender a lidar com a mudança não é simples e é absolutamente imperioso para sobreviver no mercado.

Não existe uma regra mágica para lidar com isto.

Agora, existe uma maneira de fazer que sempre ou quase sempre dá certo. Basta seguir os conselhos de Pablo Neruda:

Se não puderes ser um pinheiro, no topo de uma colina,
Sê um arbusto no vale mas sê
O melhor arbusto à margem do regato.
Sê um ramo, se não puderes ser uma árvore.
Se não puderes ser um ramo, sê um pouco de relva
E dá alegria a algum caminho.

Se não puderes ser uma estrada,
Sê apenas uma senda,
Se não puderes ser o Sol, sê uma estrela.
Não é pelo tamanho que terás êxito ou fracasso…
Mas sê o melhor no que quer que sejas.

 

Para todos aqueles que se preocupam com o que são hoje, esta neura pode lhes deixar loucos.

Quando em minha história analiso, penso: Já fui vendedor de tintas, advogado, gerente, sócio, auditor, e hoje sou consultor. Contudo, a cada dia, a cada mês, a cada ano, um melhor profissional e melhor pessoal, pois ser o meu melhor é o meu objetivo diário.

Quem sois?

Não apenas um título, mas quem sois na essência? E esta essência evolui ou está estagnada?

Somos a água em um rio em movimento… Não podemos definir. Podemos viver, conviver, aprender, errar, evoluir, amar.

Somos o que somos e seremos aquilo que somos hoje com as atitudes e decisões de hoje também.

Quem sois?

Você é quem diz e faz. E esta resposta fará com que outros sejam e vivam, pois estamos todos – quer queiramos ou não – interligados.

____________________________________________________
Artigo escrito por Gustavo Rocha
GustavoRocha.com – Gestão e Tecnologia Estratégicas
Celular/WhatsApp/Facebook Messenger: (51) 8163.3333
Contato Integrado: gustavo@gustavorocha.com [Email, Gtalk/HangOut, Twitter, LinkedIn, Facebook, Instagram, Youtube]
Web: http://www.gustavorocha.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s