Seja assertivo, sempre

“Não deixe portas entreabertas. Escancare-as ou bata-as de vez. Pelos vãos, brechas e fendas passam apenas semiventos, meias verdades e muita insensatez”. Cecília Meireles

Além de ser uma lição para vida pessoal, a frase é uma verdadeira aula no mundo empresarial.

Muitos profissionais deixam portas entreabertas o tempo todo. Ficam dançando em frente as portas como se fossem entrar e não entram.  Não fecham portas que deveriam ser fechadas e ficam sempre alimentando esperanças em portas com frestas.

Ah! Que falta fazes Cecília nestas mentes ainda com ventos…

O que significa deixar portas entreabertas?

Significa que não fez o que deveria ter feito, seja porque fez pela metade, seja porque não fez realmente.

Um profissional que tem um trabalho e não consegue eleger prioridades, faz um trabalho parcial, pois se eleger prioridades, ele fará um por vez e assim terá concluído todos ao que se propos fazer.

O resultado está em conquistar as coisas que são necessárias de serem feitas, dentro do prazo hábil a fazê-las.

Além disto, nos relacionamentos, precisamos aprender a deixar portas abertas ou fecha-las, de uma vez. Muitos dirão que não precisamos fechar porta nenhuma em relacionamentos, mas realmente precisamos. Nem que seja para definir que com aquela pessoa não iremos mais tratar. Em alguns casos isto é impossível, mas para o bem da sua saúde mental, espiritual e do seu coração, feche algumas portas a pessoas que lhe fazem mal.

Conforme a Wikipedia, Assertividade é a habilidade social de fazer afirmação dos próprios direitos e expressar pensamentos, sentimentos e crenças de maneira direta, clara, honesta e apropriada ao contexto, de modo a não violar o direito das outras pessoas. A postura assertiva é uma virtude, pois se mantém no justo meio-termo entre dois extremos inadequados, um por excesso (agressão), outro por falta (submissão). Ser assertivo é dizer “sim” e “não” quando for preciso. (fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Assertividade)

Resume bem o que significa portas abertas e fechadas, não?

Como anda a sua postura neste contexto?

Portas abertas? Portas fechadas?

E as entreabertas? Foque nestas e procure abri-las ou fecha-las. Não tenha medo de abrir ou fechar. O resultado será bem melhor que elas ficarem entreabertas…

______________________________________________

Artigo escrito por Gustavo Rocha – Sócio da Consultoria GestaoAdvBr

www.gestao.adv.br  |  gustavo@gestao.adv.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s